Páginas: [1]   Ir para o Fundo
Imprimir
Autor Tópico: Pilotar com vento muito forte!  (Lida 747 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.
FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



« : 17-08-2016, 22:42:22 »

Hoje, voltando de Guarujá para Bertioga, Rod. Rio Santos, 19hs, do nada iniciou um vento bastante forte (comum no Litoral, chamado de Noroeste), todavia este parecia diferente da maioria que já presenciei, creio que pelo encontro de ar frio, com outro muito quente. Hora vinha lateralmente, depois em espiral, pequenos galhos e folhas vindo ao encontro da moto, sacos plásticos, nos acessos muita areia, etc. Quando vinha lateralmente, a sensação era que o ar estava próximo ao solo, pois ficou difícil manter a moto na trajetória. Reduzi, vim em quarta marcha, ou terceira, sempre motor cheio e bem tracionado. Olha se a BM800 dava impressão de descontrole e queda, para motos menores o pesadelo foi real: passei por 2 acidentes com motos, muito provavelmente causados pelos fortes ventos.
Feito esse relato, quais seriam as dicas dos companheiros, especialmente para os novos pilotos, para enfrentar essa ou pior situações, caso não tenham como parar?

Fausto (FLBPN), M800 / 2016.
Registrado

Sandman
Membro Coletado
Boulevard M800
*
Offline Offline

Mensagens: 5.045


BRONX - ZO / SP


« Responder #1 : 18-08-2016, 08:15:59 »

Não tem muito o que fazer, mas...
Reduza a velocidade, pois quanto maior a velocidade, mais leve a moto fica, e tente parar num local seguro.
Registrado



""Não tento explicar às pessoas porque ando de moto. Para os que compreendem, nenhuma explicação é necessária! Para os que não compreendem, nenhuma explicação é possível"
FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



Re:
« Responder #2 : 18-08-2016, 08:52:37 »

É isso Sandman. Fiquei entre 3 e 4 marchas, motor sempre cheio. Mas foi uma loucura. Isso com a gordinha., imagine com scooter. Fiz o post mais para informar os que estão iniciando mesmo no motociclismo.  Se houver onde parar, pare sem dúvida. Aqui no Litoral estão cada vez mais constantes essas alterações climáticas abruptas, ontem durou 1:30hs, mais ou menos, esse evento. Dois acidentes em 10km com motos, não pude ver as gravidades, mas os socorros já estavam nos locais. Grande abraço.

Fausto (FLBPN), M800 / 2016.
Registrado

gabrielnappi
Membro Coletado
Intruder 125
*
Offline Offline

Mensagens: 1.318


São Paulo - SP | G650GS


WWW
« Responder #3 : 18-08-2016, 09:48:37 »

É complicado mesmo, bom q deu tudo certo pra vc.

Eu nunca peguei ventos muito fortes, no máximo uns laterais na ayrton senna e bandeirantes, mas nada que representasse algum perigo.

Porém ouvi relatos de lugares no Atacama que tem ventos laterais fortíssimos, que vc chega a andar com a moto inclinada. Acho que o pessoal que foi pra lá pode falar melhor sobre isso  thumbsup
Registrado

Roni
Conselho
Marauder 250
*
Offline Offline

Mensagens: 2.654


Rio de Janeiro - RJ


« Responder #4 : 18-08-2016, 09:56:18 »

A velocidade depende muito também do tipo de piso e a força do vento.
Passamos vários "sufocos" desses agora na viagem para o Ushuaia e Patagônia.
Pegamos trechos em que era quase insuportável o vento, além de muito forte (em um local tombou um micro-ônibus) eles duravam muito tempo. As vezes horas e horas sem uma trégua.

Tivemos situações onde se reduzisse muito a velocidade a moto não se mantinha, se acelerasse demais ela perdia a dianteira. Era sempre na tentativa e erro... rsrs
Você tem que vir se adaptando e entendendo o que está acontecendo.

A pior parte é quando vc já está há um tempo inclinado para um lado e acaba se acostumando com aquilo e de repente o vento muda de lado e te joga na direção que estava forçando contra... chega a dar um frio na espinha pra não dizer outra coisa... hahahaha

Uma dica para os iniciantes é não forçar os seus limites, se achar que está complicado demais, encoste a moto e espere melhorar, mesmo que pra isso precise deixar ela tombada. Tem várias fotos sobre isso na internet, principalmente lá nessa região.
« Última modificação: 18-08-2016, 09:59:18 por Roni » Registrado

Respeito, é sempre bom!
FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



« Responder #5 : 18-08-2016, 11:00:42 »

Pior pessoal que eu estava pensando nisso ontem enquanto pilotava naquele "mini caos", em como seriam os ventos nessa região, até porque estou acompanhando do You Tube, uma expedição do "Felipec" até o Alasca / Polo Norte e ela passou por tudo lá, em todos os pisos, muito legal...recomendo para quem não viu, agora ele já esta de volta aos Estados Unidos.
Mas deu para assustar um pouco mesmo, nem parecia que estava sobre uma máquina de 260 quilos em marcha, vinha muita sujeira/lixo (eta povo porco), areia, galhos e folhas para cima da moto, visão parcial e até um maluco de um caminhão pisando fundo, saí e deixei ir....e os acidentes que relatei, infelizmente!
Quem sabe um dia conheço um desses paraísos de moto, só não sei se neles a BM800, seguraria bem a onda.
Abs.
Registrado

Maximus M1500
Esquentando a Máquina
*
Offline Offline

Mensagens: 86


Devorar as estradas sempre


« Responder #6 : 18-08-2016, 14:55:47 »

Como falado antes, diminua a marcha para que a motocicleta ganhe peso, nunca freie se fizer isso vai ao chão. Devagar, procure um local abrigado e pare. Uma ajuda, não andar em linha reta e de vez enquanto girar o guidao para aumentar o atrito.
Registrado

O asfalto é meu territorio.
FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



« Responder #7 : 18-08-2016, 18:56:54 »

Opa obrigado Maximus, tive que recorrer algumas vezes ao acostamento, mas cheguei bem. Foi teste para ver se eu ainda mantenho a calma depois de 23 anos só de carros.
Atualizando segundo a imprensa local ventos foram entre 105 e 80km por hora.  Muitos transtornos em todo litoral Paulista, balsa colidiu em barco pesqueiro, quedas de árvores, Porto teve conteiner caindo sobre caminhão e por aí
Infelizmente para um dos motociclistas a que me referi foi a última estrada (segundo ouvi foi ultrapassar e se chocou com carro), trisre.


Fausto (FLBPN), M800 / 2016.

Registrado

edson souto
Membro Coletado
Mobilete
*
Offline Offline

Mensagens: 416


Boulevard M800 - RJ


« Responder #8 : 18-08-2016, 22:50:44 »

Eu fui com o Roni nessa expedição Ushuaia e tenho uma BM800. Posso afirmar tudo o que o Roni falou acima, as condições climáticas da região é uma coisa de louco, não é para pessoas inexperientes. Mas posso afirmar também que a BM800 se comportou muito bem... Acima do esperado e não deixa a desejar a nenhuma moto, inclusive as bigs....
Registrado
FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



« Responder #9 : 19-08-2016, 06:56:26 »

Bom dia pessoal.
Roni e Edson deve ter sido emocionante e maravilhosa essa experiência. Bom ssber que a Bule fez bonito também.
Imagino que "bagagem anterior" é crucial, mas lá devam aparecer coisas únicas a se enfrentar.
Esses relatos são bons de voltarem sempre aqui no Bog para os iniciantes e os reintroduzidos (como eu), no mundo do motociclismo, contermos os ímpetos exacerbados e maravilhados com a sensação de imponência das Boulevares! Ob.

Fausto (FLBPN), M800 / 2016.

Registrado

Eddie_Maverick
Membro Coletado
Burgman 125
*
Offline Offline

Mensagens: 743



« Responder #10 : 19-08-2016, 08:16:25 »

Eu peguei já esses ventos laterais com uma motoneta (honda Biz 100cc). você é jogado literalmente para outras faixas, 3, 5 metros, e não adianta inclinar, reduzir, nada... Só ir corrigindo e torcer pelo melhor. Minha recomendação é parar. Mas o importante como disseram é saber e respeitar os limites, seu, da estrada e da sua moto.  Isso em qualquer ocasião, mas nessa em especial senão é chão.

O pior vento cruzado desse que peguei foi de carro, na fronteira da Irlanda com a Irlanda do norte, o carro com 5 pessoas dentro e os ventos vinham em "golpes" que facilmente tiraria qualquer moto do chão. Sinistro. Tem que tomar cuidado
Registrado

FLBPN
Mobilete
**
Offline Offline

Mensagens: 425



« Responder #11 : 19-08-2016, 09:31:13 »

É Eddie, as Scooter e, acredito, em menor medida até mesmo as speeds chamadas "carenadas", em ventos em multi direções, devem sofrer mais, faz todo sentido!
Registrado

Bacholsky
Só olhando
*
Offline Offline

Mensagens: 13



« Responder #12 : 22-08-2016, 20:22:39 »

Já passei por isso na Rio-Santos, na altura de Itaguai, num retão descampado. Estava numa Drag Star 650. Só não fui derrubado graças ao peso da moto e por ter reduzido a velocidade. A sensação é muito desagradável.

Enviado de meu D2403 usando Tapatalk

Registrado
Páginas: [1]   Ir para o Topo
Imprimir
Ir para: